Primeiro porquê: Ele pensou, e pensou amando

“Antes que no seio fosses formado, eu já te conhecia; antes de teu nascimento, eu já te havia consagrado, e te havia designado profeta das nações.” (Jeremias 1, 5)



Se na vida não há amor, não há para quê viver. Entretanto, na vida há amor. Na vida como um todo, não somente na vida de pessoas específicas. Na vida de todos existe amor.

Desde um simples bebê no ventre da mãe até um velhinho caduco. Há amor. Mas afinal: o que é o amor? Para alguns, não tem resposta; para outros, não existe; mas amor significa amar o inamável, ou não é uma virtude, em absoluto¹.

Nós somos inamáveis quase sempre. Somos tolos, seguimos nossos próprios conselhos e concepções de mundo; retiramos Deus de nossas vidas em nome de “liberdades”; não sabemos lidar com os nossos sentimentos e descontamos nossa raiva e ressentimento em tudo e todos ao nosso redor (ou em nós mesmos); enfim: falhamos. Essa é a miséria humana: tornar-se inamável mesmo tendo como origem o próprio Amor.

Contudo, nosso Deus não deixa de nos amar, não deixa de querer se fazer presente em nossas vidas mesmo que O deixemos para trás ou que nunca corramos ao Seu encontro. Ele se apresenta a nós de diversas maneiras, podendo ser notado em sofrimentos ou em alegrias.

Antes que fosses formado, eu já te conhecia. Antes de virdes ao mundo, o Amor te conheceu. Antes que você se deparasse com os sofrimentos dessa vida árdua e dura, Ele te conhecia. Antes de você ter se tornado impuro devido à podridão desse mundo, Ele pensava em ti. Antes de ter crescido, Ele quis crescer dentro de ti. Antes que o largasse, Ele buscou te abraçar. Mesmo que você esteja triste, cansado, abatido, preocupado ou ansioso devido às incertezas que a vida te apresenta, Ele está contigo esperando somente que você fale e desabafe com Ele, mas ainda que não o faça: Ele continuará contigo em silêncio. Antes que você entrasse nesse site, Ele quis entrar em teu coração, pois o teu Senhor te havia designado profeta das nações.

Antes de tudo: Ele te amou.

Depois de tudo: Ele te ama.

Mas Ele deseja te amar ainda mais, e, para isso, precisa que você inicie a amá-Lo aceitando-o como Rei que Ele é e que o sirva a todo momento. Ele é a felicidade e quer compartilhar essa felicidade contigo.

Deus vos abençoe.

________________________________

¹ G. K. Chesterton, Hereges






Por Vinícius Henrique,
Integrante do Movimento TLC - Diocese de Palmeira dos Índios/AL;
Catequista e estudante de Eletrotécnica - IFAL;
Criador da página Ele te quer SANTO com atuação no instagram (@eletequersanto).

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.