Carta do Papa ao Lula - o que é Verdade e o que é Narrativa?

Carta do Papa ao Lula - o que é Verdade e o que é Narrativa?
Do site O Catequista
Oi Povo Católico!!!!
E novamente aparece a equipe do Lula tentando instrumentalizar a Igreja Católica e o Papa Francisco para pressionar a justiça brasileira. Hoje foi divulgada uma suposta troca de correspondências entre o Papa e o ex-presidente. E muitas notícias estão falando em apoio do Papa à libertação de Lula. A carta pode até ser do Papa, mas falar em apoio é evidentemente fake news.
O site do ex-presidente começa informando que houve uma troca de cartas entre o Papa e Lula, lembrando que o Papa já teria entrado em contato outras duas vezes, enviando um terço e autografando um livro. A fake news do terço já foi desmentida por nós aqui e a dedicatória do livro era mais do que claramente uma dedicatória padrão que qualquer um poderia ter pego na Praça de São Pedro.
Começamos mal... agora vamos à íntegra da Carta do Papa ao Lula.

A primeira coisa a se perguntar é se esta carta é real. A resposta é: provavelmente sim. Nada foi confirmado ainda pela Sala de Imprensa. Informalmente, alguns jornalistas em Roma afirmam que a carta é de Francisco.

De qualquer forma, a carta apresenta características típicas de ter sido enviada pelo gabinete pessoal do Papa - e não pela Casa Pontifícia, de onde saem as cartas padrão. Mesmo assim, o texto parece ser bastante protocolar. O primeiro parágrafo agradece à carta enviada (que deve ter dado origem ao "diálogo") e os dois parágrafos seguintes são meramente padronizados. Todas as cartas enviadas nesta época estão provavelmente trazendo texto similar. No penúltimo parágrafo, aí sim, temos um recado direcionado ao ex-presidente, mas apenas lamentando as perdas recentes de familiares próximos. O último parágrafo, novamente, traz um texto padrão.
Bem, assumindo que a carta é de fato verdadeira, entendemos que ela não é uma iniciativa que partiu do Papa, mas a resposta à uma carta enviada por um ex-presidente da república que teve muita importância no Vaticano, afinal, foi com ele que Bento XVI assinou o acordo da Santa Sé com o Brasil. Não é difícil imaginar como essa carta chegou ao Santo Padre e porque se decidiu respondê-la. Ainda que de forma quase padronizada.
Isso posto, não fazem sentido as narrativas que estão sendo divulgadas de que o Papa estaria lamentando a prisão do Lula por conta da frase "o bem vencerá o mal" ou ainda "a verdade vencerá a mentira e a Salvação vencerá a condenação". Tais frases se referem à Ressurreição do Senhor, que é o verdadeiro assunto do parágrafo - que parece bem padronizado.
Qualquer tentativa de dizer que o Papa crê que a prisão do Lula seja injusta é Fake News. O Vaticano não tem por hábito se intrometer em assuntos da justiça de outros países, muito menos nestes casos de corrupção. Não faz sentido.
Em momento algum a mensagem se refere à prisão do Lula, apenas à perda dos seus entes queridos (o que é justo, diga-se de passagem).
Agora, o site nos apresenta uma outra carta. Desta vez, do Lula ao Papa. Veja na íntegra.


Algumas coisas nos chamaram atenção aqui... a primeira coisa que a gente se pergunta é se está faltando papel A4 na carceragem de Curitiba. Mas ok, pulemos essa parte. Vamos olhar o conteúdo. Pela data, deveria ser uma carta de resposta, afinal, o na mensagem do Papa, é citada uma correspondência recebida no dia 29/03/2019 e esta data do dia 05/04/2019. Mas é realmente estranho que um texto não tenha nenhuma relação com o outro! O que o Lula está tentando responder ao Papa? Porque o Lula não agradece às palavras ditas por Francisco? E essa assinatura do Lula aí? Dê um Google e você vai ver que em nada se parece com a assinatura de Lula nos documentos oficiais.
Por incrível que pareça, essa carta-resposta consegue parecer mais fake do que a carta do Papa.
Aliás, onde está a carta recebida no Vaticano no dia 29/03? Seria interessante vê-la para entender se o texto do Papa realmente responde algo dito pelo Lula. Do jeito que está, parece que enviaram pra lá uma carta qualquer e receberam uma resposta semi-padronizada. Os textos mostrados não parecem configurar um diálogo.
No fim dessa história, ainda que tudo seja verdade, o que estamos vendo é, no máximo, o Papa lamentando pelos entes queridos perdidos pelo nosso ex-presidente e não qualquer tipo de apoio.
E, novamente, é lamentável ver que, novamente, um partido político tenta utilizar a imagem do Papa e da Igreja Católica para ludibriar os fiéis e criar narrativas. A Igreja de Cristo é para salvar almas, não é para ser instrumentalizada para fins políticos.
Este texto foi retirado do site https://ocatequista.com.br/saiu-na-imprensa/item/18260-carta-do-papa-ao-lula-o-que-e-verdade-e-o-que-e-narrativa


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.